terça-feira, 26 de outubro de 2010

Reconhecimento pela comunidade OpenSource

Em 2008 Criei um componente(classe para PHP5 ou >) para carregar arquivos flash(swf).
Hoje este foi adicionado em um site de componentes e classes opensourse... quem adicionou não sei mas é bom saber que meu trabalho esta sendo reconhecido pelos gringos.


From: PHPKode Editor
Date: 2010/10/26
Subject: GOOX_SWFOBJECT is now part of PHPKode

Hi Otavio Theiss,

As you may notice, one of your high-standarded script, GOOX_SWFOBJECT is
rated to be the choice of PHP developer and it is now part of our site:
PHPKode.com. The script is illustrated by title, tags, license, version,
descriptions as well as download URL on PHPKode.com with sources from your
website. You may reach the script with the following URL:

Your script file has been uploaded on PHPKode file server, if you don't like
your script to be a part of PHPKode or simply want something to be changed
or updated, please feel free to contact us with the email at
phpkode.editor@gmail.com and we will work with you to fix any problem you
may have found with the category listing.

Since PHPKode.com is still under development, so 10 recommended places will
be provided for each category, if you would like your script to be placed on
recommended place of its category to receive more visits and downloads,
backup download URL on your website.

Sincerely,
PHPKode Editor

Tue Oct 26 11:00:23 2010

Grande Abraço a todos.

domingo, 5 de setembro de 2010

Controlador de versão com VisualSVN e Eclipse Parte 1

Olá pessoal desculpe pela ausência.
Depois de muito tempo sem um novo post estou de volta, vamos lá.

Quando trabalhamos sozinhos fica fácil gerenciar o projeto.
Mas quando trabalhamos em uma equipe com vários desenvolvedores a coisa muda.

A maioria das empresas que trabalhei não utilizavam um controlador de versão assim como esta empresa que estou agora. Mas como me foi dada altoridade para definir algumas coisas no departamento de Desenvolvimento Web. Tratei de implantar um controlador de versão.
Pensando em facilidade para a equipe optei pelo VisualSVN.

É o subversion com modo visual. Existe uma versão free e um versão paga do VisualSVN, claro que optei pela free.

Como não existia uma IDE padrão para desenvolvimento, nossa equipe decidiu utilizar o ECLIPSE.
E para interagir com o controlador de versão estamos utilizando o plugin Subclipse.

Links para Download:



Plugin Subclipse: Este vamos instalar pelo Eclipse.

No próximo Post vou abordar a instalação e configuração do Visual SVN


Abraço a todos














Controlador de versão com VisualSVN e Eclipse Parte 2

Após fazer download, vamos instalar e configurar o VisualSVN.

Tela de instalação.
Em Repositories é o diretório dos arquivos do controlador.
No meu caso selecionei Autenticação do windows para os usuários do controlador, mas se você não possui um AD pode utilizar a primeira opção usuários do Subversion onde você deverá criar os usuários de acesso ao controlador, segue abaixo.



Após instalar abra a interface de administração do servidor.
Vamos criar um novo repositório para nosso projeto teste.
Botão direito no nó principal selecione Novo -> Repository,
como abaixo.




Abrirá uma tela onde podemos dar o nome ao novo repositório.
Vou dar o nome de teste, não vou utilizar a opção "Create default structure".
Como abaixo




Depois de criarmos o Repositório teste. Vamos configurar o acesso ao mesmo.
Botão direito no repositório teste -> Properties.
Como abaixo.




Por padrão o VisualSVN libera permissão de acesso com leitura e escrita a qualquer usuário, mas não podemos deixar isso assim. Vamos permitir acesso apenas a usuários que devem ter acesso.

Para isso selecione o usuário que o servidor criou e mude as permissões de acesso dele para No Access.
Para adicionar um usuário clique em Add.
Como abaixo.



Como Estamos utilizando o AD para gerenciar os usuários vou buscar pelo meu usuário no AD e ok.
Como abaixo.


Pronto instalamos e configuramos nosso repositório no controlador de versão.

Nossa próxima etapa o cliente para poder acessar o controlador de versão. No nosso caso a IDE Eclipse com o plugin Subclipse.


Mas isso veremos no próximo post.


Grande abraço a todos.